Detran de MS solicita prorrogação de 60 dias no prazo de implantação da Placa Mercosu

Detran de MS solicita prorrogação de 60 dias no prazo de implantação da Placa Mercosu

Resolução do Contran prorrogou o prazo até 31 de dezembro. O diretor-presidente do Detran-MS informou que o estado não possui empresas credenciadas suficientes para trocar as placas de toda a frota.

 

O Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) pediu prorrogação de 60 dias no prazo para a implementação da placa de identificação veicular, a chamada Placa Mercosul, no estado. O ofício foi enviado ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) na última semana.

De acordo com o diretor-presidente do Detran-MS, Roberto Hashioka Soler, Mato Grosso do Sul não possui número suficiente de empresas credenciadas para atuar na troca das placas da frota de todo o estado.
A Placa Mercosul foi criada para ser um padrão entre os países do Mercosul. — Foto: Detran-MS/Reprodução A Placa Mercosul foi criada para ser um padrão entre os países do Mercosul. — Foto: Detran-MS/Reprodução

A Placa Mercosul foi criada para ser um padrão entre os países do Mercosul. — Foto: Detran-MS/Reprodução

O prazo para adoção das novas placas seria até 1° de dezembro, mas foi pulicada no Diário Oficial da União na última sexta-feira (30) a Resolução 748 do Contran (Conselho Nacional do Trânsito) que resolve, entre outras coisas, estender o prazo para até 31 de dezembro para o Detran em Mato Grosso do Sul, outros onze estados, e no Distrito Federal.

Ao G1, Hashioka informou que a expectativa é que o Detran-MS consiga realizar as trocas até o fim do novo prazo. Disse ainda que as empresas que prestarão o serviço serão selecionadas via cadastro de empresas licenciadas pelo Denatran, ou através de licitação.

https://g1.globo.com