PM paga pedágio para liberar viatura em MT - FENASDETRAN - Federação Nacional das Associações de DETRAN

PM paga pedágio para liberar viatura em MT

Um policial militar precisou pagar R$ 6,90 para que a viatura da Polícia Militar do Estado pudesse passar por um pedágio na manhã desta quarta-feira (08), na BR-163, próximo a Sorriso (398 km de Cuiabá). De acordo com as informações, a viatura da PM do 12ª Batalhão de Sorriso não estava com placas cadastradas no sistema da empresa, e foi barrada. 

A liberação só foi efetuada após o PM pagar o valor de R$ 6,90.

De acordo com o procedimento legal para cadastro de veículos isentos de pagamento de pedágio, são incluídas as viaturas do Comando da Polícia Militar de Mato Grosso. Segundo a concessionária Rota do Oeste, o convênio foi firmado com o Comando da Corporação regula este cadastramento acordado no prazo até o dia 5 de novembro para o cadastramento de viaturas e veículos oficiais para isenção de pagamento nas nove praças de pedágio ao longo da BR-163. 

Em relação à viatura citada, a concessionária contatou-se que a viatura não está incluída na lista fornecida. Por conta disso, foi feita a cobrança do pedágio.  

A Rota do Oeste explicou que para cadastrar os veículos, é necessário que as instituições entrem em contato por meio da Ouvidoria. Depois, os processos são analisados pelo setor jurídico e, em seguida, caso estejam de acordo com a lei, é feita a inserção no sistema.

O serviço é gratuito de cadastramento de viaturas e a concessionária tem prazo de cinco dias úteis para finalizar o processo.

http://www.folhamax.com.br